?

Log in

 

Teatro

About Recent Entries

Lisboa,Espaço Evoé-Curso de Interpretação Feb. 23rd, 2006 @ 05:53 pm
melancolybaby
Interpretação
com Catarina Matos
 
Inscrições Abertas
 

O curso será dividido em duas fases principais: Preparação do Actor e Preparação do Espectáculo. As sessões de trabalho serão sempre iniciadas com exercícios/ jogos de aquecimento Vocal e Corporal. Estes visam preparar e predispor os alunos/ actores para o trabalho que se seguirá.

 

1ª Fase – Preparação do Actor (até final de Abril)

Através de jogos, exercícios, improvisações, monólogos e diálogos, pretende-se que os alunos tomem contacto e se apropriem dos fundamentos de técnicas de interpretação como a Técnica de Teatro Clássico/ Comédia Dell’Arte (séc. XVII- IXX), Método (Lee Strasberg - séc. XX) e Teatro Improvisado. Pretende-se ainda que tomem consciência do seu Corpo, do seu Corpo no Espaço Cénico e do seu Corpo em relação ao Outro. Todo este processo Prático será acompanhado de reflexão e descoberta Teórica.

 

2ª Fase – Preparação do Espectáculo (Até Julho)

Pretende-se que os alunos/ actores apliquem os conhecimentos adquiridos na execução de um espectáculo que visa a apresentação pública.

Pretende-se ainda que tomem contacto com algumas noções de Dramaturgia/ Análise de Texto, Produção, e trabalho Técnico subjacente à apresentação de um espectáculo.
 
_______________________________________________
 

Currículo Catarina Matos

  

Licenciada em Teatro – Formação de Actores/ Encenadores pela Escola Superior de Teatro e Cinema, em Lisboa., estreia-se em 1983 no espectáculo musical Annie encenado por Armando Cortez no T.Maria Matos em Lisboa.

Participa em espectáculos encenados por João Lourenço (Peer Gynt, Sweeney Todd e Às Vezes Neva em Abril), Filipe Crawford (As Mulheres de Gil Vicente, Comédia All’Improviso e As Desventuras de Isabela), Francisco Nicholson (De pernas P’ró Ar), Serge Lipsyck (Macbeth, França), Carlo Boso (La Principessa di Fez, Itália), Marco Rota (Zani, Patrone di se Stesso, Itália), Pilar Távora (Vozes do Céu, Espanha), Miguel Clara Vasconcelos (São Precisos Dois para Dançar a Valsa), entre outros. Faz assistência de encenação com Filipe Crawford (As Desventuras de Isabela) e Eduardo Condorcet (Kvetch), e é responsável pela Coreografia e Movimento com os mesmos encenadores em, respectivamente, As Mulheres de Gil Vicente e Audição.

Em televisão participa em diversas séries: protagoniza Milongo, realizada por Bento Pinto de França (gravada em São Tomé e Príncipe); Ferry Street, realizada por Nicolau Breyner (gravada em Newark-EUA); Maiores de Vinte; Saber Amar; Amanhecer; Senhora das Águas; Cinzas; Crónicas do Tempo; Veneno do Sol; e ainda, como actriz convidada em séries como Polícias, Sozinhos em Casa, Trapos e Cª., Pensão Estrela, Médico de Família, Todo o Tempo do Mundo, Crianças S.O.S, Bairro da Fonte, Sociedade Anónima, Super Pai, Último Beijo e Coração Malandro. Actualmente participa em Mundo Meu em que interpreta a personagem Natália.

Em cinema trabalha com os realizadores como Jorge Paixão da Costa (Le Fantôme du Palais), Miko Zeuschner (Christmas), Zezé Gambôa (O Herói) e protagoniza Walk The Night City (U.K) realizado por Helena Van Lare.

Dobra vozes em filmes de animação como O Rei Leão II (Walt Disney), Babe - Um Porquinho na Cidade (Walt Disney) ou Atlântida( Dreamworks), bem como em diversas publicidades para Televisão e Rádio.

            Mantém paralelamente ao trabalho de actriz a docência de Teatro e Expressão Dramática na APOIARTE/ Casa do Artista e no Colégio Salesiano Oficinas de S. José, depois de ter leccionada em outras escolas públicas e privadas como a EB.2,3 de Telheiras, e a Fundação CEBI em Alverca.


Dec. 23rd, 2005 @ 02:32 pm
pleitao

Dec. 13th, 2005 @ 11:27 am
pleitao




Na passada sexta feira estreamos o nosso mais recente espectáculo O Feitiço no IPO do Porto.

A magia do espectáculo oferecido pelo grupo ao serviço de pediatria da
Instituição acima referida, contagiou as crianças, bem como os pais e educadoras
por quem se faziam acompanhar. O Feitiço é um espectáculo concebido para ser
acolhido em qualquer espaço e estará em digressão durante o próximo ano.



contactos para mais informações e reservas:

1/4 de Lua

222011639

umquartodelua@sapo.pt

Lisboa,2,3 e 4 de dezembro -Espaço Evoé:Boboclown te comprendo (x-posted em aminhagenda) Nov. 30th, 2005 @ 01:57 pm
melancolybaby
Free Image Hosting at www.ImageShack.us

2 de Dezembro às 22h00
3 e 4 de Dezembro às 21h30

Entrada Livre, no Espaço Evoé

Um espetáculo de Carlos Piecho e Jan Gomes
Uma Produção Farpas Teatro

http://tecomprendo.no.sapo.pt
Espaço Evoé - O Corpo das Artes
www.evoe.pt
Rua das Canastras n.º36/40
1100-112 Lisboa
tel.:218860300
tlm.:963816505

horário de atendimento das 16h30 às 21h00

Lisboa,sábado 26 de Novembro-Cabaré no Espaço Evoé Nov. 24th, 2005 @ 07:32 pm
melancolybaby
Free Image Hosting at www.ImageShack.us

ProgramaçãoCollapse )
Other entries
» Lisboa,Espaço Evoé - Bolsas de Trabalho para Estágios de Formação
O Espaço Evoé - O Corpo das Artes está a abrir candidaturas para BOLSAS DE TRABALHO PARA ESTÁGIOS DE FORMAÇÃO.

BOLSAS DE TRABALHO PARA ESTÁGIOS DE FORMAÇÃOCollapse )
» Isto é que é uma critica Carago

 

 

 


«Por outro lado, um sentimento de vergonha se apossou de nós, anfitriões ignorantes da linhagem de visitantes nascidos e crescidos lá no Porto, Portugal, modestamente atravessando o oceano Atlântico para dissipar em nós qualquer dúvida sobre como fazer teatro de alta qualidade, sem perder a humildade dos verdadeiros servidores das tábuas cênicas.

Por que o constrangimento que se apoderou de nós?: uma equipe de tal qualidade jamais poderia circular por São Paulo em espaços tão acanhados, tão alternativos como, por exemplo, aquela exígua sala do imenso Memorial da América Latina.

Em respeito a um grupo que já atingiu a invejável, senão fantástica, marca de 80 criações (como se informa no programa da peça), salas teatrais bem equipadas poderiam ter sido acionadas com êxito, oferecendo condições de montagens condizentes com o rendimento desses – a este ponto- estóicos fazedores de teatro Também o anonimato da visita causa estranheza, pela divulgação nula, a merecer, pelo já dito, “pompa e circunstância”, trombeteando na imprensa a ilustre chegada.

Mas, desconhecendo bravamente todos os revezes da recepção atabalhoada de brasileiros no mínimo distraídos, os portugueses deram um show de competência em cena, criando do nada uma luz de nuances poéticas, quando não de tragédia iminente; recriando o engenhoso cenário de Ricardo Preto com visível fidelidade ao original; utilizando a trilha sonora de Carlos Adolfo com sensível adequação à pulsação de inexorável rumo a acertos de contas com o destino, imprimida com vigor pelo estreante diretor Fernando Moreira a sua fiel leitura do texto de Steinbeck; e, em fina sintonia com tudo isso, as interpretações realistas, de um raro verismo psicológico, de um quinteto impecável formado por Valdemar Santos (George), João Paulo Brito (Lennie), Pedro Carvalho (Candy), Luiz Araújo (no duplo trabalho de Curley e Slim) e Ângela B.Marques, como a sensual e frágil Mulher de Curley, o capataz da fazenda, local onde se localiza essa triste história de amizade, inocência e morte, permeada de amarga poesia da condição humana.»

* AFONSO GENTIL é CRÍTICO TEATRAL filiado à APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte).

 

 


» Dramaturgos para cabaret contemporâneo procuram-se
O coreógrafo húngaro Bence Vagi procura dramaturgos interessados em explorar o mundo do cabaret dos anos 20 para a sua nova criação.

O criador pretende trabalhar com alguém que explore o universo do cabaret dos anos 20 à luz do teatro e dança contemporâneos. A ideia é criar uma peça para três bailarinos/performers e um piano. A estreia da peça está prevista para Março de 2006 no Budapeste Spring Festival, na Hungria e no Suzirya Theatre em Kiev, na Ucrânia.


Mais informações:
www.iugte.com/projects/BenceVagi.php
www.obscenestheshow.com
b.vagi@gmx.net


» Lisboa,24 de setembro, Museu Nacional do Traje-16h:O rei vai Nu
Reservas: 21 888 08 38 21 759 03 18 Largo Júlio de Castilho, nº 2 - Lumiar Metro Lumiar - Linha Amarela
» Lisboa "A Cadeira" de Edward Bond

A Cadeira de Edward Bond

Teatro do Bairro Alto

até 17-07-2005

3ª a sábado às 21h30

domingos às 17h00


Top of Page Powered by LiveJournal.com